Comunicação - Notícias

Recomendações Alimentares para Trabalhadores por Turnos

30/01/2017

Recomendações Alimentares para Trabalhadores por Turnos

 

Deitar cedo e cedo erguer também implica saber comer. O trabalho por turnos tem impacto no consumo alimentar do trabalhador, o que reflete a necessidade de desenvolver estratégias nutricionais específicas.

 

 

Geralmente, as pessoas que trabalham por turnos apresentam os seguintes problemas:

- Alterações no apetite (com maior apetência para alimentos ricos em açucares);

- Aumento do peso corporal;

- Dificuldade em adormecer e insónias;

- Alterações gastrointestinais como obstipação, flatulência, dispepsia, dor abdominal;

- Fadiga.

As pessoas que trabalham por turnos apresentam um maior risco para o desenvolvimento de condições como obesidade, diabetes tipo II, doenças cardiovasculares, problemas digestivos, deficiência em vitamina D (pela baixa exposição solar), em comparação com a população em geral. Esta predisposição poderá estar associada, não só ao estilo de vida e hábitos alimentares desregulados, como também ao reflexo da alteração no ritmo circadiano normal do organismo.

 

Como minimizar as consequências deste modelo de trabalho? Algumas recomendações: 

- Faça a sua refeição principal antes de iniciar o turno e, durante o período de trabalho, faça pequenas refeições (refeições abundantes e pesadas durante a noite poderão causar dificuldade na digestão e aumentar a sensação de sono e fadiga);

- Se possível, leve as suas próprias refeições. Evite as máquinas de venda automática (a maioria dos produtos nelas disponíveis são ricos em gordura saturada, sal e açucares, pouco interessantes do ponto de vista nutricional);

- Procure fazer as suas refeições num ambiente relaxado e coma devagar;

- Mantenha-se bem hidratado, pois será uma forma de manter um estado de alerta mais prolongado, reduzindo a fadiga e melhorando a sua concentração (beba água de forma regular, ao longo do turno);

- Modere o consumo de cafeína. A ingestão de cafeína por dia não deverá ultrapassar 400mg em indivíduos saudáveis (não mais do que 4 a 5 cafés expresso/dia), sendo que será de evitar o consumo de bebidas com cafeína até 4 horas antes da hora de se deitar. Estas bebidas podem afetar o sono e promover a desidratação;

- Evite o consumo de alimentos e bebidas ricos em açucares. Em sua substituição, os alimentos ricos em fibra e hidratos de carbono são recomendados, pois providenciam uma fonte de energia prolongada;

- Evite o consumo de bebidas alcoólicas nestes períodos, pois estas bebidas fornecem calorias vazias e contribuem para os ganho de peso, ao mesmo tempo que perturbam o sono;

- Faça uma refeição ligeira antes de se deitar, quando terminar o turno. Adormecer quando se tem fome, por vezes, é mais difícil;

- Mantenha-se ativo. Os trabalhos por turnos, muitas vezes, estão associados a maiores níveis de stress, sendo, por isso, fundamental promover a prática de atividade física para a regulação do stress e gestão do peso corporal.

 

 

Fonte: nutrimento.pt

 

Voltar às notícias
Clique aqui - Ligamos Grátis Clique aqui
Ligamos Grátis