Comunicação - Notícias

Costuma consumir marisco no Verão?

18/08/2016

Costuma consumir marisco no Verão?

 

Portugal é um país com grande tradição e qualidade na oferta de marisco, sendo que o Verão é, tendencialmente, gerador de oportunidades para o consumo deste alimento.

 

Há muito que se atribui uma conotação negativa ao consumo de marisco pela sua riqueza em colestrol, mas... será que o marisco é mesmo uma das principais causas para o aumento do colestrol? E será que o seu consumo poderá, eventualmente, apresentar vantagens nutricionais?

Atualmente, é do conhecimento geral que as principais causas para o aumento de colestrol são, essencialmente, as gorduras saturadas e trans, que, no marisco, estão presentes em quantidades muito reduzidas.

Aliás, o marisco poderá mesmo ser um fator protetor da saúde cardiovascular devido aos interessantes níveis de ácidos gordos polinsaturados que possui. O marisco também é uma boa fonte de vitamina B12, vitamina esta de extrema importância na formação das células sanguíneas e na integridade das células nervosas.

Mas há mais: o marisco é também uma importante fonte de proteínas de alto valor biológico, ferro, selénio e até mesmo de cálcio.

No entanto, apesar da riqueza nutricional do marisco, nem todos o podem consumir. Pessoas com alergias alimentares ao marisco têm, obrigatoriamente, que o excluir da sua alimentação e, o marisco, por ser alimento rico em purinas é igualmente desaconselhado a pessoas com valores elevados de ácido úrico.

 

Segurança dos alimentos e cuidados na escolha, compra e conservação do marisco:

- opte por bivalves com conchas bem fechadas, com cheiro fresco e agradável a maresia e carne brilhante;

- opte por crustáceos com aspeto brilhante e luzidio, olhos negros salientes e cheiro agradável a maresia.

 

O consumo de marisco deteriorado pode levar a intoxicações alimentares com consequências graves, sobretudo em determinados grupos de risco (grávidas, crianças, idosos e indivíduos imunodeprimidos).

É importante, também, considerar o método de confeção do marisco e o acompanhamento escolhido, pois, por exemplo, a associação do camarão a maionese, pão torrado com manteiga, excesso de sal ou a fritura tendem a adicionar gordura de má qualidade e sal, tornando-o um alimento de risco.

 

É Verão!

Aventure-se numa mariscada, mas não esqueça que a simplicidade só traz vantagens para a sua saúde.

 

 

Fonte: nutrimento.pt

 

 

Voltar às notícias
Clique aqui - Ligamos Grátis Clique aqui
Ligamos Grátis